Pepino: Seu cosmético natural para cuidar da pele

Pepino: Seu cosmético natural para cuidar da pele

O pepino é o quarto vegetal mais cultivado no mundo e é conhecido por ser um dos melhores alimentos para a saúde do corpo. Suas propriedades podem, definitivamente, tratar e prevenir diversos problemas que ocorrem no dia a dia.

Pepinos, cientificamente são conhecidos como Cucumis sativus. Geralmente, eles podem ser consumidos frescos ou em conserva. Eles têm a forma cilíndrica e geralmente variam em comprimento.

Sua pele, que varia de verde para branco, pode ser lisa ou enrugada, dependendo da sua variedade. Dentro do pepino encontramos uma carne verde pálida, densa, aquosa e crocante ao mesmo tempo, bem como numerosas sementes comestíveis.

Confira abaixo, os surpreendentes benefícios deste superalimento! Garantimos que valerá muito a pena incluí-lo em seu cardápio.

Perfil nutricional do pepino

O pepino é composto principalmente de água, porém também contém ácido ascórbico (vitamina C) e ácido caféico, o que ajuda a acalmar irritações da pele e reduzir inchaços. O pepino é rico em fibras e contém uma grande variedade de minerais benéficos, incluindo a sílica, o potássio e o magnésio.

O pepino é fonte de silício

A sílica no pepino é um componente essencial para se ter um tecido conjuntivo saudável, o que inclui a formação dos músculos, tendões, ligamentos, cartilagem e ossos. O suco de pepino é frequentemente recomendado como uma fonte de silício para melhorar a aparência e a saúde da pele, além de alto teor de água, que hidrata naturalmente a pele.

As propriedades do pepino podem tratar e prevenir diversos problemas de pele que ocorrem no dia a dia.

Os pepinos são também usados topicamente para vários tipos de problemas da pele, incluindo o inchaço sob os olhos e as queimaduras solares. Dois compostos do pepino, o ácido ascórbico e o ácido caféico, impedem a retenção de água, o que explica porque os pepinos aplicados topicamente são frequentemente úteis para os olhos inchados, queimaduras e dermatites.

Aumente seu consumo de fibra e água

Consumir fibras dietéticas adequadamente é um desafio. Adicionar um pepino fresco crocante às suas saladas pode ser uma maneira criativa para aumentar a sua ingestão de fibra, pois o pepino é uma fonte rica dela. Além disso, você recebe um bônus de vitamina C, silício, potássio e magnésio.

O pepino regula a pressão alta

Estudos indicam que o acréscimo de alimentos ricos em potássio, magnésio e fibras, baixa a pressão arterial para níveis mais saudáveis. Pessoas que consomem uma dieta rica nestes compostos, além dos outros alimentos nesta dieta (alimentos lácteos com baixo teor de gordura, frutos do mar, carnes magras e aves) podem reduzir a pressão arterial em até 5 pontos.

O pepino auxilia na perda de peso

Devido ao seu baixo teor calórico e grande quantidade de água, o pepino é um alimento ideal para uma dieta em que as pessoas que estão em busca do corpo perfeito.

Eficaz no processo de digestão

O alto teor de água e fibra dietética presente no pepino ajuda na digestão dos alimentos. Com isso, o consumo diário de pepino pode ser considerado como um remédio para a prisão de ventre.

Trata a diabetes e reduz o colesterol

O suco do pepino contém um hormônio que é utilizado pelas células do pâncreas para produzir a insulina. Portanto, o pepino também pode ser benéfico para pacientes com diabetes. Pesquisadores descobriram que um composto chamado esteróis, que está presente nos pepinos, pode ajudar a reduzir os níveis de colesterol.

As propriedades do pepino podem tratar e prevenir diversos problemas de pele que ocorrem no dia a dia.

Promove a saúde das articulações e alivia a dor da artrite

O pepino é uma excelente fonte de sílica, conhecida por ajudar a promover a saúde das articulações e fortalecer os tecidos conjuntivos do corpo. Quando misturado com suco de cenoura, ela pode aliviar a dor da artrite e diminuir os níveis de ácido úrico no organismo. Esse processo diminui a sobrecarga sobre o rim, mantendo assim a saúde das articulações.