Pêssego: Seu aliado contra obesidade e o diabetes!

Pêssego: Seu aliado contra obesidade e o diabetes!

O pêssego é uma fruta nativa de característica difusa, advinda do noroeste da China. É um membro da família de frutas de caroço, o que significa que eles têm uma grande semente em seu meio, assim como as cerejas, damascos, ameixas e as nectarinas.

Benefícios do pêssego para a saúde

A parte interior de um pêssego pode variar entre a cor branca, amarela ou laranja. Há duas variedades diferentes de pêssegos: O tipo cantaria e o tipo aderente, que se referem ao fato da polpa aderir à sua semente interior ou facilmente se destacar dela.

Aspecto nutricional dos pêssegos

Um pêssego médio (147 gramas) tem cerca de 50 calorias, 0,5 gramas de gordura, 0 gramas de colesterol e de sódio, 15 gramas de hidratos de carbono, 13 gramas de açúcar, 2 gramas de fibras e 1 grama de proteína.

Ele oferece 6% de suas necessidades diárias de vitamina A e 15% das necessidades diárias de vitamina C. Um pêssego também contém 2% ou mais do valor diário das vitaminas E e K, niacina, ácido fólico, ferro, colina, potássio, magnésio, fósforo, manganês, zinco e cobre.

De acordo com um estudo da Texas A&M, frutas de caroço como pêssegos, foram indicadas para evitar doenças relacionadas à obesidade

Outros benefícios à saúde

De acordo com um estudo da Texas A&M, frutas de caroço como pêssegos, ameixas e nectarinas, foram indicadas para evitar doenças relacionadas à obesidade, como diabetes, síndrome metabólica e doença cardiovascular.

Estudos têm mostrado que as frutas de caroço têm compostos bioativos e fenólicos com propriedades anti-obesidade e anti-inflamatórias que também podem reduzir o colesterol ruim (LDL), o que é associado à doenças cardiovasculares.

Ele atribui os benefícios para quatro grandes grupos fenólicos em frutas de caroço: antocianinas, ácidos clorogênicos, quercetinas e catequinas, os quais trabalham juntos e se complementam para combater doenças relacionadas à obesidade.

Previne o câncer

Como uma excelente fonte de vitamina C e forte antioxidante, pêssegos também podem ajudar a combater a formação de radicais livres, causadores de câncer, enquanto uma ingestão adequada de vitamina C é necessária e muito benéfica como antioxidante. Já a ingestão de alto teor de fibras de todas as frutas e vegetais são associados a um menor risco de câncer colorretal.

Melhora a pele

O antioxidante da vitamina C, quando consumido em sua forma natural (em alimentos integrais, como pêssegos) ou aplicado topicamente, pode reduzir as rugas, melhorar a textura da pele em geral e ajudar a combater os danos da pele causados pelo sol e poluição. A vitamina C também desempenha um papel vital na formação de colágeno, o sistema de apoio da pele.

Bom para diabéticos

Outro estudo da Texas A & M mostraram que os pêssegos e extratos de ameixa foram eficazes em matar até mesmo os tipos mais agressivos de células de câncer de mama e não prejudicar as células saudáveis no processo.

Outros estudos têm mostrado que diabéticos do tipo 1, que consomem dietas ricas em fibras, têm níveis mais baixos de glicose no sangue. Já os diabéticos do tipo 2 podem ter melhores níveis de açúcar no sangue, lipídios e níveis de insulina. Sendo assim, o Dietary Guidelines for Americans recomenda de 21 a 25g de pêssego por dia para mulheres e 30 a 38g ao dia para os homens.

Promove a saúde do coração

O teor de fibra, potássio, vitamina C e colina dos pêssegos apoiam a saúde do coração. Um aumento na ingestão de potássio, juntamente com uma diminuição na ingestão de sódio é a mudança na dieta mais importante que uma pessoa pode fazer para reduzir o risco de doenças cardiovasculares.

Em um estudo recente, foi comprovado que, aqueles que consumiram 4069 mg de potássio por dia tiveram um risco 49% menor de morte por doença isquêmica do coração em comparação com aqueles que consumiram menos de potássio (cerca de 1000mg por dia).

Saúde ocular

A maior ingestão de frutas (3 ou mais porções por dia) tem sido indicado para diminuir o risco de progressão macular degenerativa relacionada a idade. É importante notar que os benefícios do consumo de frutas e legumes de todos os tipos incluindo os pêssegos, são infinitos.

A alta ingestão de frutas e vegetais também está associada com a aparência mais saudável do cabelo, o aumento de energia, o menor peso e o menor risco de mortalidade.

Como incorporar mais pêssegos à sua dieta

– O verão é a melhor época para comprar pêssegos, pois, eles estão no auge da sua temporada e tem o melhor sabor, frescura e valor nutricional. Certifique-se de escolher pêssegos mais durinhos, com a pele difusa, que ceder um pouco quando pressionado.
– Para amadurecer pêssegos, coloque-os em um saco de papel ou perto de uma janela com muito sol.

De acordo com um estudo da Texas A&M, frutas de caroço como pêssegos, foram indicadas para evitar doenças relacionadas à obesidade

– Ao comprar pêssegos enlatados, evite os enlatados em calda e dê preferência aos que não tem adição de açúcar.
– Para o seu café da manhã, pêssegos em fatias vão muito bem com farinha de aveia e cereais, e como um topper para panquecas, waffles e torradas. Cozinhe pêssegos cortados com um fiozinho de mel e canela para uma sobremesa rápida e saudável.
– Adicione algumas fatias de pêssegos congelados para seus smoothies. Adicione o suco de abacaxi, meia banana congelada e iogurte grego para um deleite cítrico.

Riscos e precauções

É a dieta total ou padrão global de alimentação que é mais importante na prevenção de doenças e alcançar uma boa saúde. O melhor é comer uma dieta com grande variedade e concentrar-se em alimentos individuais como a chave para a boa saúde.