Pistache: Fonte de potássio que te protege do stress

Pistache: Fonte de potássio que te protege do stress

As sementes de pistache fornecem uma poderosa quantidade de energia. Cerca de 100 gramas contém apenas 570 calorias. Basicamente, elas são compostas de hidratos de carbono (carboidratos), gorduras, proteínas, fibras dietéticas, além de várias vitaminas e minerais como cálcio, ferro, zinco e também magnésio.

Atualmente, o consumo mundial de pistache disparou. Com isso, os chefs de cozinha vem utilizando as sementes de pistache das maneiras cada vez mais criativas e ambiciosas. Os Estados Unidos é atualmente o líder mundial na produção de pistache, tendo ultrapassado o Irã em 2010. A crescente nas vendas fizeram com que as exportações duplicassem nos últimos seis anos, de mais de 100 milhões para quase 270 milhões de dólares.

1. O pistache tem poucas calorias

As pistaches contém cerca de 3 a 4 calorias por semente, sendo consideradas “sementes magras” – têm menos calorias do que praticamente qualquer outra semente. Além disso, estudos têm mostrado que se você comer pistaches regularmente, você se sentirá mais saciado durante o dia.

O ato de descascar as pistaches, diminui o seu consumo, isso porque esse fato serve como um sinal visual, fazendo você pensar que comeu muito.

2. Fonte de potássio

As sementes de pistache contém muito potássio, o que pode reduzir em nosso organismo os níveis de cortisol, o hormônio do estresse, mais do que qualquer outra semente.

Cerca de 100 gramas de sementes de pistache contém apenas 570 calorias.

3. Controle do colesterol

O pistache ajuda a diminuir o colesterol e reduzir o risco de câncer. Ele é uma excelente fonte de fitoesteróis, compostos de plantas que diminuem os níveis de LDL (mau colesterol), além de serem antioxidantes que combatem o câncer (incluindo, carotenoides, betacaroteno e luteína, que dá ao pistache sua distinta cor verde).

4. É bom para o coração

A pistache é um “alimento obrigatório” para quem sofre de problemas cardíacos. Ele reduz consideravelmente o colesterol LDL (colesterol ruim) do sangue, contêm gorduras boas e aumenta o HDL (colesterol bom) no organismo.

Além disso, é uma excelente fonte de ácidos graxos monoinsaturados, como os ácidos oleico, que são poderosos antioxidantes.

Sem sódio, o pistache se torna significativamente saudável para pacientes cardíacos. Também são ricos em vitamina A, vitamina E e luteína. Além disso, reduz o acúmulo de placas nas artérias e proporciona atividades cardiovasculares mais eficientes. A oxidação de LDL também é reduzida por estes antioxidantes.

Cerca de 100 gramas de sementes de pistache contém apenas 570 calorias.

5. Proteção dos olhos

As pistaches são ricas em carotenoides, como a luteína e a zeaxantina. Esses compostos ajudam na prevenção dos radicais livres e protegem os olhos contra a radiação ultravioleta.

Ele também torna o músculo do olho e seu tecido mais forte. A retina também é protegida por carotenoides. Um consumo regular de pistaches impede a degeneração macular.

Informações adicionais

• O pistache é fonte de ferro que ajuda a aumentar o nível de hemoglobina e glóbulos vermelhos no sangue. Tonturas, insônia e náuseas podem ser impedidas por ele.
• O pistache tem propriedades afrodisíacas e pode ser útil para impulsionar a função erétil e a circulação sanguínea.
• O consumo de pistache aumenta a imunidade e combate várias doenças e infecções. As sementes contêm antioxidantes poderosos, além de minerais que ajudam na defesa contra várias doenças microbianas.